No que toca a cabelos oleosos, a pergunta que mais frequentemente fazemos é esta: se o meu cabelo já produz óleo em excesso, será que devo ainda assim usar máscara? E a resposta, embora não seja tão simples, é relativamente fácil de dar e explicar: depende da máscara.

Embora o principal objectivo de uma máscara de cabelo seja nutrir, existem vários "níveis" de nutrição: temos as máscaras reparadoras, que geralmente são mais intensas e têm o objectivo de devolver alguma vida a cabelos muito secos ou danificados, as máscaras que dão brilho, e as máscaras purificadoras ou de limpeza. Este último grupo é o mais recomendado para cabelos oleosos, porque em vez de acrescentar óleo ao couro cabeludo, vai ajudar a retirá-lo.

Em termos de ingredientes, deve procurar composições com limão, vinagre de sidra (que equilibra o pH e acrescenta brilho) ou argila, conhecida pelas suas propriedades purificadoras e por absorver oleosidade em excesso. Seja qual for a máscara que decida usar, não recomendamos que o faça mais de uma vez por semana.

As melhores máscaras para cabelos oleosos

Na sua rede favorita

Siga a Miranda no Instagram. Partilhe as suas fotos de Beleza com #SomosTodosMiranda