Quem gosta de perfumes, anda sempre com o nariz no ar. A curiosidade e vontade de sermos surpreendidos leva-nos a procurar em todo o lado, sem preconceitos. Muitas vezes dei comigo a seguir aromas em ruelas de Marrakesh, Paris ou Florença e até mesmo a abordar alguém na rua para perguntar que perfume usava naquele momento.
Como já aqui escrevi, um perfume é uma viagem e uma alavanca para nos transportar para o sonho e fantasia. Um perfume tem essa capacidade ímpar de seduzir e de nos levar, obedientes e magnetizados, atrás do seu rasto perfumado. Hoje a surpresa é um trio de eaux de parfum lançado pela Zara. Sim, essa mesmo, a marca de moda e acessórios que há anos faz parte do guarda-roupa de quase toda a gente.
Esta marca sempre teve perfumes e, genericamente, segue tendências e best-sellers da perfumaria. Ainda assim, não deixo de procurar as novidades e sentir o que vai sendo feito, procurando separar o trigo do joio e não dando particular importância às embalagens, que também aqui é frequente assemelharem-se a algumas marcas e perfumes, como Prada, Gucci, Carolina Herrera, Comme des Garçons ou État libre d’Orange.

#OPerfumista: e da Terra se fez homem
#OPerfumista: e da Terra se fez homem
Ver artigo

Essa ausência de filtro, guiada apenas pela experiência olfactiva, levou-me a descobrir uma colecção de três perfumes, lançados recentemente, que merecem destaque pela aparente simplicidade e composição. A colecção a que me refiro é a Naturals (€ 15,95), por ter na sua composição uma percentagem assumida de ingredientes naturais, em diferentes quantidades, mas de forma especial. Nas lojas que visitei, estavam colocados na área de senhora, embora possam ser perfeitamente usados por homens ou todos aqueles que se identifiquem com os seus aromas.

Vetiver - O primeiro que experimentei foi o Vetiver. Sim, eu sei que já conhecem a minha adição a esta matéria-prima intensa, envolvente e especial. E foi aqui que a surpresa começou. Deparei-me com uma composição bem estruturada, sem rasgo ou novidade, mas em que o vétiver se apresenta bem acompanhado, depois do primeiro impacto ter uma maçã a abrir com frescura. O aroma completa-se com uma madeira de cashmeran aromática que numa relação equilibrada com o vétiver resulta num aroma seguro, maduro e magnético. Os ingredientes naturais representam 4,1% desta eau de parfum, numa embalagem de 100ml.

#OPerfumista: as surpresas aromáticas são... naturalmente Zara

Cardamom - O meu preferido desta tríade é também o mais aromático, fresco e genuíno, com um cardamomo muito verdadeiro no nariz. Proveniente da Guatemala e com um peso claro na experiência olfactiva, este cardamomo é honesto e reforça-se com notas de chá suaves e envolventes e notas verdes pouco definidas, mas que reforçam a naturalidade e vibração desta composição. Bela e sedutora, pode também servir de base para conjugar com outro perfume, como o Vetiver. Os ingredientes naturais representam 6,4% desta eau de parfum, em embalagem de 100ml.

#OPerfumista: as surpresas aromáticas são... naturalmente Zara

Vanilla - O mais doce e, talvez, mais feminino desta colecção. Uma composição sedutora, com notas de cookies acabados de sair do forno, onde a tangerina dá a sua graça com notas cítricas alaranjadas e sofisticadas a promoverem a envolvente baunilha de Madagáscar. O aroma reforça a sua feminilidade com a faceta floral da Heliotrope, uma flor de pétalas roxas muito aromáticas e sedutoras. Os ingredientes naturais representam 5,8% desta eau de parfum, em embalagem de 100ml.

#OPerfumista: as surpresas aromáticas são... naturalmente Zara

Apesar de todas caberem na categoria eau de parfum, quase monovarietais, como no vinho, a verdade é que podem ser conjugadas entre si ou servirem de base para complemento de outro perfume que se articule harmoniosamente com estas composições. Uma boa surpresa perfumada e a prova de que a vida, e os perfumes, têm esta magia de nos surpreender quando menos esperamos.

É um apaixonado por aromas e perfumes. Formado em Composição de Perfumes na Cinquième Sens, em Paris, membro da Société Française des Parfumeurs e júri do Prémio Máxima de Beleza, Lourenço Lucena cria perfumes e organiza formações e eventos, em torno deste universo mágico. Adoramos fazer com ele esta viagem olfactiva.

Inclua este passo no seu ritual de Beleza!

Subscreva a newsletter da Miranda by SAPO.

Seja a primeira a receber as melhores dicas de Beleza

Ative as notificações da Miranda.

Enquanto o verniz das unhas seca…

Siga a Miranda by SAPO no instagram. Use a #SomosTodosMiranda nas suas publicações.