Pois é, já lá vai o tempo dos champôs com aroma de maçã, ervas ou ovo... De acordo com estudos realizados na Europa, a importância do aroma em produtos para o cabelo representa 67%. O mesmo estudo revela que 45% dos consumidores que nele participaram reconhecem a importância do aroma na escolha do seu champô. Estaria neste grupo? Atrevo-me a dizer que sim.

Por essa razão, as principais marcas têm vindo a investir a sério na criação de aromas para os seus produtos, utilizando este atributo como factor de segmentação e posicionamento.
A fragrância funciona, assim, como um gancho de atracção e quando o champô é usado adiciona ao produto uma experiência olfactiva mais rica e intensa.

#OPerfumista: a que cheira o seu cabelo?

Alberto Morillas, compositor de perfumes e autor de sucessos como CK One, Bulgari Man, Omnia de Bulgari, 212 Carolina Herrera, Eau des Vignes de Caudalie, Pleasures de Estée Lauder, Acqua di Gio de Giorgio Armani, Gucci Bloom, entre tantos outros, é um dos muitos perfumistas que tem trabalhado com a indústria de produtos para o cabelo, tendo assinado há cerca de 2 anos para a L’Oréal o aroma do óleo capilar Kérastase Chronologiste L'huile Perfume. O seu aroma é simplesmente delicioso. Chronologiste, é um caso à parte. Cheire por si.

#OPerfumista: a que cheira o seu cabelo?
Chronologiste L'huile Perfume, Kérastase, nos cabeleireiros

Aliás, Kérastase é uma das marcas que mais tem feito nesta matéria. Todas as suas linhas de produtos têm um aroma próprio e, em alguns casos, como Chronologiste, cada produto desta colecção tem um aroma próprio que se complementa aos restantes quando usamos o champô, a máscara e, depois de secar, o óleo.

#OPerfumista: não pode morrer sem cheirar... Chanel Nº5
#OPerfumista: não pode morrer sem cheirar... Chanel Nº5
Ver artigo

Usar um champô com um bom aroma, para além das suas qualidades essenciais de lavagem, hidratação, fortalecimento da fibra e todas as outras que enriquecem o produto e nos seduzem a comprar, alarga esse limite para uma experiência sensorial. Como uma ida ao spa, especialmente pensado para o nosso cabelo e bem-estar.
Por isso, nada melhor que partir à descoberta do que melhor se ajusta ao seu cabelo. E acredite, existem muitas e boas opções. Como Aura Botanica, também da Kérastase, a cujo aroma é difícil de resistir. Este champô, com uma composição 96% de origem natural, tem um aroma especial e que, no mínimo, merece ser cheirado. Se não, feche os olhos e deixe-se levar...

#OPerfumista: a que cheira o seu cabelo?
Bain Micellaire Aura Botanica, Kérastase, nos cabeleireiros

O aroma apresenta-se com uma suave trilogia de citrinos, com destaque para Toranja Rosa, Tangerina e Bergamota, adocicadas por uma infusão de Verbena e folhas de Hortelã esmagadas. Um início vibrante e um boost de energia. Num segundo nível e em perfeita harmonia temos a pimenta preta e pimenta rosa, sementes de coentro e pétalas de Jasmim. Esta faceta floral acompanha todo o momento do banho e mantém-se até ao enxaguar. A fechar, encontramos o patchouli subtil, o vetiver aromático e terroso, complementado por baunilha pouco evidente e âmbar.

O aroma luxuoso e aromático de Aura Botanica enquadra-se na família dos florais amadeirados e é uma boa receita para começar o dia.

Nada como um dia bem perfumado, do cabelo aos pés!

É um apaixonado por aromas e perfumes. Formado em Composição de Perfumes na Cinquième Sens, em Paris, membro da Société Française des Parfumeurs e júri do Prémio Máxima de Beleza, Lourenço Lucena cria perfumes e organiza formações e eventos, sempre em torno deste universo mágico. Adoramos fazer com ele esta viagem olfactiva. 

Inclua este passo no seu ritual de Beleza!

Subscreva a newsletter da Miranda by SAPO.

Seja a primeira a receber as melhores dicas de Beleza

Ative as notificações da Miranda.

Enquanto o verniz das unhas seca…

Siga a Miranda by SAPO no instagram. Use a #SomosTodosMiranda nas suas publicações.