"Aromas em Vidro", a exposição com data de inauguração a 8 de Dezembro e patente até 16 de Julho de 2019, no Palácio Stephens, Marinha Grande, apresenta um conjunto de frascos de perfume em vidro, de várias proveniências, da colecção privada de Afonso Oliveira, que conta com cerca de três mil exemplares. Tudo boas razões para ir à cidade do vidro conhecer estas relíquias, pequenas obras de arte, a descobrir numa exposição única.

Através desta selecção de frascos de perfume, dos anos 1850 a 1980, a mostra pretende dar a conhecer a evolução da perfumaria bem como dos modelos dos frascos para perfume, podendo ali serem vistos exemplares das fábricas internacionais Lalique e Baccarat, e ainda das fábricas portuguesas, como a F.E.I.S. (Fábrica-Escola Irmãos Stephens), Companhia Industrial Portuguesa/Ivima, Centro Vidreiro do Norte, Fábrica das Gaivotas, entre outras.

Exposição celebra a beleza do vidro dos frascos de perfume
Merry Christmas, por Maurice Depinoix para a Benoit

Na imagem, o frasco de Merry Christmas, com 12 cm de altura, uma peça de origem francesa/cubana, desenhada por Maurice Depinoix em 1927 para a marca Benoit. Feito em cristal preto com a pintura dourada de um presépio, exibe uma tampa que é única na história da perfumaria por representar uma Nossa Senhora com o menino Jesus ao colo. É dos raros frascos de perfume que aborda na sua plenitude um tema religioso. Este frasco foi um dos primeiros da colecção de Afonso Oliveira e está na base, como o próprio refere, do "que me levou a coleccionar e a investigar a perfumaria portuguesa e internacional".

A saber:

Horário: Terça a Domingo, das 10h00 às 18h00 (encerra das 13h00 às 14h00)
Morada: Palácio Stephens, Praça Guilherme Stephens, 2430-522 Marinha Grande
Telefone: 244 573 377
E-mail: museu.vidro@cm-mgrande.pt

Fotografia de Bernardo Coelho

Na sua rede favorita

Siga-nos no Instagram