Enquanto continuar a ser utilizada como manchete, título de artigo sobre dietas ou hashtag numa legenda de uma fotografia, a expressão "corpo de Verão" vai continuar a ser apenas uma coisa: mais uma forma de exigir às pessoas que cumpram com os padrões auto-impostos (e inatingíveis) pela sociedade. Abaixo reunimos todos os motivos para deixar de usar esta terminologia, de uma vez por todas.

Atribui ao corpo um prazo de validade.

Então e todos os outros meses do ano em que não é Verão? As preocupações com o corpo puff, desvanecem-se?

Coloca a nossa autoestima nas mãos dos outros.

O corpo tem particular importância no Verão porque está à vista? News flash: continuamos a conviver com ele o resto do ano. E a primeira pessoa que deve estar satisfeita com o que vê somos nós mesmas.

Estimula a comparação.

Se não temos um "corpo de Verão" temos o quê? Um corpo é um corpo, independentemente da estação do ano.

Perpetua uma cultura voltada para a aparência.

Quando já todos sabemos que ser saudável é o mais importante.

Preserva a submissão feminina perante o que a sociedade auto-impõe.

Cria-se a ideia de que há todo um "esforço" necessário a cumprir para que as mulheres possam ter a "ousadia" de pôr o corpo à mostra. E não fazê-lo é "desleixo".

Torna a magreza um elogio (em oposição a tudo o resto).

O bodyshaming é tão... last season? Não que alguma vez tenha sido OK ter estado em voga, mas se conhecimento é poder, sabemos que temos todos a ganhar se começarmos por mudar o discurso. "Estás mais magra" não é o mesmo que "estás tão bonita".

Encoraja comportamentos de risco.

Dietas extremas (olá, mil programas de detox), exercícios hardcore - a pressão que existe em chegarmos ao Verão com uma fisionomia que assente nos padrões estereotipados que a sociedade criou sabe-se lá quando não nos torna mais saudáveis (e podemos garantir que também não nos torna mais felizes).

Cria um padrão.

Somos todos diferentes e únicos, tal como os nossos corpos. Não existem medidas certas ou erradas, curvas demasiado proeminentes ou barrigas que sirvam de modelo enquanto completamos mais uma série de abdominais. #somostodaslindas

Impõe pressão e ansiedade em determinados ambientes.

Ir para a praia ou para a piscina devia ser um momento de relaxamento e felicidade - e não mais um momento arruínado com stress e desconforto. Basta pensar no (quase) pânico que muitas mulheres sentem só em pensar na palavra biquíni.

Não existe.

Alguém nos explica o que é, na verdade, um "corpo de Verão"?

Na sua rede favorita

Siga a Miranda no Instagram. Partilhe as suas fotos de Beleza com #SomosTodosMiranda